TRANSLATOR( BLOG OR POST)

10 de abr de 2017

Era uma Vez um Deque

Você começa consertando um barrote podre, descobre a incompetência e acaba com essa paisagem.
O perigo morava debaixo dos pés, silencioso.

Dentro de casa, com tudo amontoado para dar lugar ao material de construção, só se anda de luz acesa, com muito cuidado e com GPS, para não tropeçar, não derrubar nada, nem se perder.


4 comentários:

Dalva M. Ferreira disse...

Vai passar. Ate' la', que Zeus te de muita paciencia.

Clarice disse...

Os dias estão mais longos, a chuva não para e a obra anda em câmera lenta.
Obrigada

Anônimo disse...

Pciência com a obra e com a chuva Le

Justine disse...

É preciso ser uma filósofa zen para ter calma em período de obras em casa!!!!
Mas vai ficar tudo liiiiindo!!

Abracinho deste lado do oceano