TRANSLATOR( BLOG OR POST)

24 de dez de 2013

Ainda dá tempo

Ainda dá tempo de fazer ou deixar de fazer alguma coisa que você goste ou desgoste muito, antes de repensar propósitos. Nem que seja amontoar a louça na pia, ou dar uma banana pra seriedade. Que tal cantar o mais alto que puder e dar um susto na vizinhança, hein? Nossa, já estou rindo antes mesmo de me ouvir.

Faça o que tem vontade, que esse negócio de esperar a melhor ocasião, ó! 

Não vivem dizendo que alguém lhe deu a vida? pois então, use. Ela é sua.

Pare de se prometer coisas. Apenas tire a bunda da cadeira e comece. Plateia muda sempre, então mande todos pra aquele lugar e viva sua vida, não a dos outros. Agrade a você mesmo. Só se sente feliz quem tem um pouco de egoísmo. Até caridade é egoísta, acredite. Então não se sinta mal por se agradar. Ou vai esperar até que seus ossos não aguentem o peso de tanto arrependimento por não ter feito isso e aquilo?

Um dia "a indesejada das gentes" chega pra todos.Não adianta fingir. Não somos eternos e esperar que alguém nos faça feliz é um engano sem tamanho. Só somos felizes por momentos e se nos permitirmos. 

Sinta-se feliz! Comece agora.



2 comentários:

Anônimo disse...

Clara
O que mais gosto de fazer é paparicar os netos, as amigas e quem necessita. De uns tempos para ca, deixei de lado a inibição e parti para o carinho de forma total ampla e irrestrita. Me sinto muitíssimo bem e quando a morte chegar não sentirei remorso de não ter paparicado. Sei que vc nao é chegada ao Natal, mas receba um carinho sem limites, um dengo exagerado e despudorado, um paparico como poucos sabem dar. Te amo,Seja muito faliz, sinta-se uma gata; é assim que a vejo. Beijinhos aos milhões Da LÊ.

Clarice disse...

Lê, você é a tradução do carinho.

Suas palavras são sempre um presente.
Um grande abraço e continue no caminho.