TRANSLATOR( BLOG OR POST)

28 de mai de 2013

Dia de Visita

Ontem fui ver minha mãe no hospital.

Algumas horas com ela e suas fragilidades e saí de lá feliz ao perceber, que apesar ou por causa de tudo, ainda sobrou um coração macio em mim.


5 comentários:

Pitanga Doce disse...

Eh Clarice! Ainda vais perceber tantas coisas que nem sabias ter!

Abraços em noite de chuva miúda.

Anônimo disse...

Quem sabe ? Talvez sempre tenha existido mas ela não soube ou não pode mostrar. Que bom que descobriu este coração!! Lê

Clarice disse...

Pitanga, tudo a seu tempo, mas algumas certezas são definitivas.
bj

Lê, no meu coração. Ela continua o que sempre foi.
bjs

São disse...

Te abraço , pois é bom descobrir que a dureza com que nos (mal)trataram não nos contagiou...

Beijinhos, ma belle.

Justine disse...

Eu acho que sobra sempre, Clarice, quando se trata de mãe! E falo com conhecimento, pois as relações com minha mãe foram sempre tensas, e no fim tudo desapareceu...