TRANSLATOR( BLOG OR POST)

18 de out de 2011

Cinzas do vulcão chileno chegam ao Pântano do Sul

Fotografias feitas há poucos minutos. Portas e janelas fechadas. Chão escorregadio, coceira no nariz. Se ficar ao ar livre o cabelo fica áspero e branco.Nem a chuva que caiu há meia hora limpou o ar.
(Clique sobre as fotos para zoom.)

O que parecia só neblina já eram as cinzas.

Mesmo na pedra clara é possível notar a poeira fina.


Isto era  madeira escura .

A diferença onde passei a mão e a cinza.

Já estou querendo que chova pra limpar tudo.

Aqui uma vista do lado sul, de onde vem as cinzas.

9 comentários:

Gloria disse...

Então tá explicado! Hoje pela manhã em casa, notei que o piso e uma bancada que tenho entre a cozinha e a sala,e que são de madeira escura, estavam bem empoeiradas, ainda brinquei com a Neu, dizendo que iria providenciar o conserto do aspirador. Tive também uma série de espirros, do nada. O céu aqui, também está "nublado" desde o amanhecer. Bjs

Pitanga Doce disse...

Outra vez??? Ninguém põe uma tampa nisso?

Ai Clarice, quando este prédio erguer...lá se vai teu lado Sul. Isto dá uma neura do caraças, filha! Lamento.

Graça Pereira disse...

Deve ser terrível viver essa neblina de cinzas... Que a chuva venha rápida para aliviar e limpar o ar!
Beijocas
Graça

Mauro Castro disse...

Aqui em Porto Alegre tá complicado viu. Muita cinza no ar. Meu táxi, no fim do dia, fica branco. Incrível.
Tava pensando em passar o finde em Bariloche, mas cancelei. Vou pra Bahia.
Há braços!!

AVOGI disse...

Chuva? tu pedes chuva? Só se for chuva primaveril,
kis .=)

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Lamento, Clarice, deve ser horrível.
Que caia logo, a chuva!!!

Um beijo,
da Lúcia...

São disse...

Te dou a mão nestes momemtos complicados, que complicarão ainda mais quando ficares sem o panorama a sul...

Abraço

Justine disse...

O mundo está a desfazer-se, fisica, social e eticamente...
O tempora!O mores!

Anônimo disse...

Ja chove, sucata de satélites, pedras de granizo, agua ácida, e agora cinzas. Logo teremos de usar um guarda chuva de aço e roupas de armaduras, Sinal dos tempos.
Beijinhos Lê