TRANSLATOR( BLOG OR POST)

3 de nov de 2010

Quando a maioria é menor do que a maioria

DADOS DIVULGADOS NO JORNAL DO COMÉRCIO DE RECIFE



- votos "válidos" = Dilma 55.748.810 = 56,05%


= Serra 43.708.791 = 43,05%

- em branco = 2.245.548 eleitores

- nulos = 4.688.864 eleitores

- abstenções = 29.191.712 eleitores

TOTAL = 135.583.725 eleitores

Temos então que do total de eleitores:

55.748.810 (41,12%) elegeram Dilma e

79.834.915 (58,88%) não optaram pela petista.
 
Reforma eleitoral já! 

6 comentários:

Mauro Castro disse...

Clarice, ajeitei lá o post, sobre a morte do meu colega. Foi boa a tua observação.
Quanto à Dilma...resta torcer.
Há braços!!

São disse...

Minha linda, francamente há coisas que não comsigo entender!

Faço votos para bem do Brasil e porque sou feminista que Dilma desempenhe bem a sua função.

Uma noite serena.

ManDrag disse...

Amiga,

Ora aí está uma das razões que me faz suspeitar da credibilidade das democracias.
Noto que, num país onde o voto é OBRIGATÓRIO, o número de abstenções é bastante elevado.

Esses números deveriam dar que pensar,

Abraço

Pitanga Doce disse...

Deixa lá que temos uma PresidentA. Ó céus! Quando se juntam todos à volta dos microfones dá-me vontade de perguntar onde é o piquenique.

Será que essa também não vai trabalhar "fora do expediente"? O que já se ouviu neste país!

boa noite Clara.

Leika Horii disse...

Que interessante, não tinha pensado sob essa perspectiva.

Clarice disse...

Mauro, sendo assim, que tenha cumprido bem seu tempo no planetinha.
Torceremos juntos.
Abração.

São, os truques eleitoreiros brasileiros tem mistérios que muita gente não entende. Se um candidato a deputado, por exemplo, receber mais votos do que precisava, os excedentes vão para os demais candidatos do mesmo partido. Parece piada, mas não é.
Nem torço por ser mulher, porque ela pagará o preço, mesmo que se saia muito bem, mas pelo bem do país, que não cometa muitas barbaridades.
Abração
Abração.

Mandrag, também acho que democracia é muito permissiva, desde seu nascimento. Qualquer um pode ser candidato e qualquer um pode se perpetuar no poder, com recibo e tudo.
Abraço.

Pitanga, a matemática eleitoral faz bem só a eles, mas está ultrapassada.
Espanador neles!
Abraço.

Leika, a quem interssa que o povo não saiba dessa lógica de resultados? Quem anula voto ou não vota, nem sempre sabe que a proporcionalidade também elege.
Abração.