TRANSLATOR( BLOG OR POST)

8 de jan de 2010

Barbeira é a mulher do barbeiro!

Já dirigi em estradas de chão e barro, com correntes que eu mesma coloquei; tirei carro afundado na areia para uma incauta motorista; já vi barro de quase meio metro de altura no pneu. Tinha que botar uma primeira ou segunda no pé do morro e sentar a pua para não parar no caminho, torcendo pra que ninguém estivesse descendo ou parado na trilha.

Já rodei em estradinhas que pareciam tobogã: mal terminava um buraco vinha outro.


Andei pelas estradas de sabão do Paraná, comendo barro(muito parecido com esse da foto). Tinha que dirigir com a cabeça fora da janela, que o limpador do parabrisas não dava conta do que o carro da frente jogava e não podia parar nem frear ou era barranco e guincho na certa.

Comi muita poeira vermelha atrás de caminhões. Dirigi à noite na serra, a 20km por hora, com neblina, vendo só uns 5 metros adiante. Atravessei rios cheios a pé(Xaxim, conhece?) com uma vara medindo a profundidade, para depois passar com o carro(à noite, detalhe importante).

Salvei a vida de um cara(ou deixei de matá-lo) porque acelerei em vez de frear.

Coloquei o carro sobre a balsa e atravessei o Rio Uruguai(onde hoje há uma represa) com cheia de mais de 3 metros.

Muitas serras e curvas pelos meus caminhos. Sempre de batom e muito feminina, alto lá!

Ainda não dirigi ônibus e caminhão. Nem pretendo. Mas no volante de carros já fiz coisas que deixariam alguns marmanjos de calças borradas.


Quem já fez o trecho Palmas(PR) até Seara(SC), ou de Erexim(RS) até Seara, quando não havia um metro de asfalto, em noite ou dia de chuva, sabe do que eu falo. 

Quem foi à praia de Itapoá há mais de dez anos, dirigindo um Fiat 147?

Então eu acho muita graça quando olham para mim com cara de "mais-uma-mulher-no-volante". Nem respondo. Não preciso. Se bobear eu chamo para um desafio de estrada de chão.

Desde que eu não esteja com um puta torcicolo como o de hoje.

E que não seja pra fazer baliza(grrrrrr).

A foto veio daqui.

6 comentários:

São disse...

Minha linda, PARABÉNS!

E quanto a machismo, nós sabemos o quão estuporado pode ser...

Quanto Às siglas e para seu proveito , já passaram a designação completa, rrss

Bom final de semana.

W.Henrique disse...

Não liga, não ! O que mais existe nesta ilha é mané que pensa que sabe dirigir e só faz m........ A proporção de mulheres que dirigem nos dias de hoje é alarmante e ,veja nos noticiários que informam a violência no trânsito, a ocorrência com mulheres é quase zero.

Abraço

W.Henrique

Pitanga Doce disse...

A propósito você conseguiu renovar a carteira? Estávamos fazendo exames na mesma época, não foi?

Não pensa que é pergunta de maluco mas como você ficou "algum tempinho" com ela vencida...

Tá lascado esse calor!!!

Anonymous disse...

Querida ! É inveja; as mulheres estão bombando em tudo que fazem; com coragem, competência e doçura.
Mil beijinhos . Lê

neu disse...

Tenho vaga para uma motorista. Não precisa enviar outro curriculo. É por estas e outras, que o seguro de auto de mulher custa mais barato.

Clarice disse...

São, a gente vai levando...
Abração.

Waldemar, aqui na Ilha assusta ainda mais ver a quantidade de carros. Nem dá tempo de olhar quem dirige. Tem que desviar de loucos e tontos.
Abração.

Pitanga, sábado de manhã madruguei pra buscar a tal carteira. Já não me sinto mais prisioneira.
Quem não tem pontos durante um ano deveria ter carteira renovada automaticamente, concorda?
Beijos e vamos soprando e bufando entre calor e chuva.

Lê,esse preconceito vem de loonge. Meu pai foi motorista profissional por alguns longos anos e quando pedíamos(as meninas0 para que ele nos ensinasse a dirigir- o irmão mais novo daprendeu com 11 anos- ele dizia que preferia ensinar a atirar com espingarda. Vê se pode! Por ironia, anos mais tarde ele foi obrigado a encarar muitas caronas comigo ao volante.
Beijos, bela.

Neu, ando assim meio preguiçosa para encarar trabalho regular, mas se a oferta for tentadora, até que penso no assunto. Adoro dirigir. Se alguém me pagar pra isso, então!
Abração e bom verão!