TRANSLATOR( BLOG OR POST)

29 de out de 2009

Ora, direis: Papel!


Visite esse o site onde seus olhos se perderão.

Um dos trabalhos com papel mais lindos que já vi. Fique à vontade para clicar sobre qualquer fotografia(inclusive essa do post) para aumentar, a fim de ver alguns detalhes.


Eu encontrei a galeria de guerreiros e escolhi essa mãe. Mas há muito, muitíssimo mais.

O casal é tão, mas tão especial, que se você quiser eles ensinam como fazer. Topa? Procure a página correta e mande seus dados.
Eu vou ficar aqui fazendo barquinhos, que é tudo o que sei. Que inveja, que inveja!

5 comentários:

Anonymous disse...

Que delicadeza, que sensibilidade, um trabalho brotando de regiões da alma e do coração inaccessíveis a quase totalidade dos humanos. Creio que mais próximas de Deus. Não se trata apenas de um dom, mas de uma inspiração, um sôpro vindo do desconhecido, do alem da matéria. Bom feriadão. Beijinho. Lê

Tiago Medina disse...

De cair o queixo mesmo...

beijão, bom feriado

Tozé Franco disse...

Excvelente trabalho-
Um abraço.

Mauro Castro disse...

Eu: nem barquinho.
Há braços!!

Clarice disse...

Lê,há alguns anos resolvi fazer um cartaz de Natal, com colagens, tão fácil que não tinha como não acertar. Adivinha!
É de uma infinita paciência e dedicação esse trabalho.
Beijos grandes e ensolarados, bela!

Tiago, alguns parecem impossíveis, não é mesmo?
Beijo e boa semana de sol(espero que tenhas aproveitado o que apareceu aqui em Floripa).

Tozé, eu aumentei algumas fotografias para ver se não estava sendo iludida, tamanha a beleza.
Abração.

Mauro, depois do próximo peixe aqui em casa, vou botar você a fazer barquinhos. Só pra me sentir bem em relação a essa arte fantástica.
Beijos a todos.