TRANSLATOR( BLOG OR POST)

9 de out de 2008

Escreve assim ou assado?

Não tem jeito! Um dia você tem aquele famoso branco e precisa descobrir se é com "j" ou com "g", se termina em "ei" ou "eu". Com "s" ou com "z"?

Mesmo quem corrigiu inúmeros textos e escreveu mais de cinco mil cartas, um dia se descobre em dúvida ao conjugar um verbo que vivia escrevendo. Que será isso? Velhice? Estresse? Corrida imediata para o Aurelião.

Não precisa mais. Agora você digita o nome do verbo e piririm pom pom! O verbo aparece conjugado em todas as suas formas e tempos. Tem data de vencimento, mas até lá...

Experimente: http://www.linguistica.insite.com.br/cgi-bin/conjugue

Dica muito boa de Bruno.

6 comentários:

salvoconduto disse...

Ora aí está algo muito útil. Experimentei com um verbo que de vez em quando me sai pela boca fora...e funciona na perfeição!

Helô disse...

clarice, de onde cavas essas preciosidades??
beijo de muito sol.

Clarice disse...

Salvo C, um achado isso, não é?

Helô, tenho amigos e ex-colegas de profissão que mandam um trem de coisas. Algumas até que são boazinhas assim.
Um pingadinho de garoa com frio.

Mara perolada disse...

Clarice amiga amda, eu sempre tive um português do qual eu me orgulhava. Sempre esvcrevi com muita facilidade e raramente consultava o dicionário. Observo que após tantos anos na internet e curtindo por vezes um chat (onde algumas vezes temos a grande sorte de encontrar pessoas especias, outras nem tanto) meu português ficou bastante comprometido. Leio tanta coisa escrida de forma incorreta que vira e mexe tenho que correr para o dicionário...rs
Enfim, viva a globalização e viva a inclusão digital. Bjs perolados, Mara Regina.

neu disse...

No
Espécie em expansão(as que nos dão má-fama)
voce não informou a placa do carro!
Eu sei de onde ele é...
ah ah ah ah ah ah ah

Clarice disse...

Mara, eu agora, depois de quase 29 anos fazendo revisão de textos, tendo passado por duas reformas ortográfica, pego mais uma de lascar. Mas essa virá facilitar.
Abração.

Neu, juro que não reparei, mas fique de olho!
Abraço.